Notícias
 
 
Versão para impressãoEnviar para amigo

Já está ocorrendo em Rancharia a vacinação contra gripe 2017

A vacinação contra gripe já foi iniciada em Rancharia. Todos os postos estão preparados para receber a população em horários normal: das 7h às 17h. Também está programado um “Dia D”, que vai ocorrer em todos os postos do município no sábado, 13 de maio das 8 às 17h. As exceções ficam por conta dos postos dos distritos, que abrirão das 8h às 12h.

A população deve ficar atenta o calendário de vacinação:

 Etapa 1: a partir do dia 10 de abril de 2017: os trabalhadores de saúde dos hospitais.

Etapa2: a partir do dia 17 de abril: os trabalhadores  de saúde dos serviços públicos e privados e as pessoas com 60anos ou mais de idade.

Etapa 3: a partir do dia 24 de abril: gestantes, puérperas, crianças (6 meses e < 5anos anos de idade) e indígenas.

Etapa 4: a partir do 2 de maio: comorbidades.

Etapa 5: a partir do dia 8 de maio: professores e todos os outros grupos anteriores.

 

Conheça abaixo os grupos de pessoas que tem direito à vacina:

- Crianças de seis meses a menores de cinco anos: todas as crianças que receberam uma ou duas doses da vacina influenza sazonal em 2016, devem receber apenas uma dose em 2017. Também deve ser considerado o esquema de duas doses para as crianças de seis meses a menores de nove anos de idade que serão vacinadas pela primeira vez, devendo-se agendar a segunda dose para 30 dias após a 1ª dose.

- Gestantes: todas as gestantes em qualquer idade gestacional. Para o planejamento da ação, torna-se oportuno a identificação, localização e o encaminhamento dessas para a vacinação nas áreas adstritas sob responsabilidade de cada serviço de saúde dos municípios. Para este grupo não haverá exigência quanto à comprovação da situação gestacional, sendo suficiente para a vacinação que a própria mulher afirme o seu estado de gravidez.

- Puérperas: todas as mulheres no período até 45 dias após o parto estão incluídas no grupo alvo de vacinação. Para isso, deverão apresentar documento que comprove a gestação (certidão de nascimento, cartão da gestante, documento do hospital onde ocorreu o parto, entre outros) durante o período de vacinação.

- Trabalhador de Saúde: todos os trabalhadores de saúde dos serviços públicos e privados, nos diferentes níveis de complexidade.

- Povos indígenas: toda população indígena, a partir dos seis meses de idade. A programação de rotina é articulada entre o Programa Nacional de Imunizações (PNI) e a Secretaria de Atenção a Saúde Indígena (SESAI).

- Indivíduos com 60 anos ou mais de idade deverão receber a vacina influenza.

- Adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas deverão receber a vacina influenza.

- População privada de liberdade e funcionários do sistema prisional: o planejamento e operacionalização da vacinação nos estabelecimentos penais deverão ser articulados com as Secretarias Estaduais e Municipais de Saúde e Secretaria de Administração Penitenciária, conforme Plano Nacional de Saúde no Sistema Penitenciário, 2.ª edição/ Brasília–DF 2005 e a

- Os professores das escolas públicas e privadas.

- Pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais independe da idade. Conheça a lista aqui.

Fonte: Imprensa

MAIS NOTICIAS